Door

Um mainframe disponível para praticar

A empresa canadense Dezhi Systems talvez seja a única instalação no mundo que permite o acesso gratuito a um mainframe, completo e operacional, para estudar e praticar. Neste artigo mostramos como você pode acessá-lo e quais são as regras que tem que seguir para que não seja banido do sistema.

A Dezhi Systems

A Dezhi Systems é uma empresa localizada em Toronto que oferece  consultoria para construção de data centers, implementação de SAP e serviços na nuvem. Em seu portfólio existem clientes como Mercedes-Benz, Toyota, Honda e prefeitura de Toronto.

Eles trabalham com tecnologia Wintel, Unix/Linux, AS400 e contam também com um mainframe virtual da IBM rodando uma versão ADCD (Application Developers Controlled Distributions) do sistema operacional z/OS 1.6. A versão mais recente do z/OS é a 1.13, mas uma versão anterior é mais do que suficiente para quem quer aprender a trabalhar com TSO, JCL ou COBOL.

A licença ADCD da IBM permite que um parceiro de negócios utilize o sistema operacional em um equipamento real ou virtual para desenvolver e testar seus produtos, com o compromisso de que esse sistema não será usado para fins comerciais.

Por usar uma licença ADCD a Dezhi Systems não pode cobrar pelo acesso. Por outro lado, ela tem todo o direito de limitar, modificar ou até eliminar completamente esse serviço de acesso gratuito.

Para solicitar o acesso ao mainframe da Dhezi você precisa, basicamente completar três passos:

  1. Solicitar a criação de credenciais para acessar o z/OS
  2. Configurar um emulador de terminal para acessar o mainframe da Dhezi

Solicitando a criação de credenciais

Entre na página do Dezhi Mainframe User Support. Você verá a seguinte tela:

dezhi1

Clique na primeira opção (“Apply New TSO Userid“). Você será direcionado para uma página com as 21 regras que você deve seguir para usar o z/OS.

É importante que você leia todas elas. Algumas dizem respeito ao padrão da userid que você vai solicitar. Outras dizem claramente o que você não pode fazer no sistema de jeito nenhum, sob o risco de ser banido definitivamente sem aviso prévio. Lembre-se, o acesso é gratuito e por isso eles podem definir as regras que bem entenderem.

Rolando a tela das regras para baixo você vai encontrar o link onde efetivamente solicitará a criação das credenciais:

dezhi2

Clique em “apply for a TSO userid“, que aparece no penúltimo parágrafo. Você será direcionado para uma tela onde precisa preencher apenas seu nome, um e-mail que você consiga acessar e a userid que você pretende usar para acessar o TSO.

dezhi3

Atenção aqui para o que você vai preencher no campo “TSO Userid“. Essa vai ser o seu id para logar no TSO e existem algumas regras (do sistema operacional e da Dezhi) que precisam ser seguidas. Sua userid não pode começar com as letras “IBM” (exemplo, IBMPAULO), nem “TSO” (TSOANDRE, por exemplo), “TS0”, “RACF”, ou qualquer outra combinação que remeta a um produto de software… Meu conselho tente criar uma identificação de 6 a 8 caracteres que faça uma relação direta com seu nome. Por exemplo, se você se chama Victor Almeida, tente solicitar alguma coisa parecida com VALMEIDA.

Depois de preencher os três campos e clicar em “Submit” você receberá um e-mail de verificação. Esse e-mail pode chegar em alguns minutos, algumas horas ou no dia seguinte… Clique no link que aparece na frase “Please click Here to get the initial password and basic usage of your TSO userid.”

Em seguida você receberá outro e-mail, informando o nome do servidor com o qual você vai se conectar. Você vai usar essa informação para configurar seu  emulador de terminal, sobre o qual falaremos mais adiante. Esse e-mail também mostra a userid que você escolheu, sua senha inicial (que você trocará no primeiro acesso), e algumas outras informações que serão úteis quando você começar a usar o ambiente.

Baixando e configurando um emulador de terminal

Se você ainda não tem um emulador de terminal instalado em seu equipamento, você precisará de um. É através do emulador que você acessará o mainframe.

Existem excelentes emuladores pagos e bons emuladores gratuitos. Se quiser conhecer alguns deles, veja o artigo que escrevemos sobre isso.

Qualquer que seja o programa escolhido, a configuração é muito simples: você só precisa informar o endereço de IP ou host name do mainframe e a porta pela qual pretende acessá-lo. O mainframe da Dezhi disponibiliza a porta 23, que é a mais utilizada na maioria dos acessos remotos.

No programa que eu uso (TN3270), a tela de configuração é essa que aparece aí embaixo:

dezhi4

Depois de configurado, é selecionar a opção de conexão (open no TN3270, ou outra semelhante, dependendo do seu emulador), selecionar o servidor que você acabou de configurar e aguardar a conexão. Você vai ver a seguinte tela:

dezhi5

Digite TSO no campo Enter your choice. Em seguida aparecerá a tela de logon no TSO, onde você deve informar a userid e a password que a Dezhi enviou por e-mail. O TSO solicitará que você troque a password no primeiro acesso.

Se tudo estiver correto, você verá uma série de mensagens da área de suporte. A maior parte das mensagens fazem referências às regras de utilização do ambiente. Dê enter depois de ler cada mensagem.

Depois de todas as mensagens, aparecerá o menu principal do ISPF/PDF,  mostrado abaixo.

dezhi6

Parabéns! Você já está no mainframe e pode começar a praticar.


Publicado por

P.A.Dias

Paulo André tem mais de 30 anos de experiência em desenvolvimento e manutenção de sistemas em plataforma mainframe. Atuou como programador, analista, coordenador técnico, gerente e executivo de projetos em uma multinacional da área de Tecnologia da Informação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *